Este website utiliza cookies para melhorar a navegação. Ao navegar no website estará a consentir a sua utilização. Para saber mais clique aqui.

SÁBADO por C-Studio

Partilhe nas Redes Sociais

Powered by

Unibanco

A arte de viajar aos melhores preços

A arte de viajar aos melhores preços

Está a pensar fazer uma grande viagem este ano? Então não se esqueça que o planeamento é importante. Só assim será possível gastar menos, aproveitar mais o destino e, quem sabe, até poupar dinheiro para mais uma viagem.


Publicado em 30-Jan-2019

Todos os anos, revistas, sites de viagens e especialistas elegem os melhores destinos para visitar, o que pode ser uma boa fonte de inspiração. No entanto, e antes de se atirar de cabeça e começar a fazer reservas, deixamos-lhe algumas dicas sobre a melhor forma de organizar as próximas férias.

O primeiro passo é definir qual o objetivo da viagem. A ideia é descansar, fazer um itinerário cultural ou divertir-se? Vai viajar com crianças, com amigos, ou a dois? Prefere praia, campo ou neve? Porque as férias são um dos momentos mais importantes do ano, é essencial escolher o destino certo para si, e não o que está na moda.

E isto leva-nos a outra questão importante: quantos dias de férias pode marcar e quando. A primavera e o outono são, regra geral, as melhores alturas para viajar, seja qual for o hemisfério. Mas a verdade é que quando viajamos em família é difícil fazê-lo fora das férias escolares, geralmente sinónimo de época alta. Ainda assim, lembre-se de que, na maioria dos casos, viajar em época baixa pode significar uma poupança de até 50% do valor. E também uma maior tranquilidade, com menos filas para os principais monumentos ou atrações, e cidades com uma vida cultural mais rica e maior autenticidade.

Outro tema importante, se não mesmo crucial, é a questão financeira. Decidir viajar de forma impulsiva é bom, e talvez até funcione numa escapadinha de fim de semana, mas não será a decisão mais económica. Se programar com antecedência, não só poderá começar a poupar com esse objetivo como poderá fazer pagamentos em prestações ou mesmo usufruir de descontos em reservas antecipadas, que podem ser bem mais vantajosas do que as ofertas last minute.

Este comprar antecipadamente é particularmente válido quando falamos em viagens de avião. Segundo um estudo do Skyscanner, uma das mais populares aplicações de pesquisa de voos, cada destino europeu tem tempos de antecedência diferentes para obter as maiores poupanças. Para viajar para Londres com descontos na ordem dos 20%, deve comprar o seu bilhete dois meses antes da partida, enquanto para Paris será necessário contar com 10 semanas de antecipação. Mais complicados são destinos como Roma que, dizem as estatísticas, é uma viagem que deve ser programada com três meses de antecedência para obter um desconto de até 30%. Depois, sabia que também há dias da semana mais baratos do que outros? Por exemplo, o melhor dia para reservar voos é à segunda-feira e o pior ao sábado.

E por falar em sites e apps de viagens, além do já mencionado Skyscanner, que além de ser um dos melhores comparadores de preços do mercado também sugere destinos baratos tendo em conta a sua localização ou local de partida, vale a pena investigar apps como a Kayak ou a Hopper, uma aplicação (disponível para Android e iOS) que nos diz exatamente qual é a melhor altura para comprar um bilhete, fazendo uma previsão dos custos, e enviando notificações com previsões de preços para os próximos meses, garantindo que é possível poupar até 40%.

Ser fiel a uma companhia de aviação também pode ser muito vantajoso. Principalmente para quem, durante o ano, voa com frequência em trabalho. É que as milhas podem ser convertidas em viagens de férias ou upgrades. A TAP, por exemplo, possui um novo programa para clientes fidelizados. Chama-se TAP Miles&Go, e substitui o antigo Victoria, tornando mais fácil a reserva de bilhetes MilesOnly e Miles&Cash. Se até aqui era necessário atingir determinado estatuto para usufruir de benefícios exclusivos, agora os clientes podem começar a fazê-lo logo a partir do primeiro nível. Além disso, os titulares do cartão TAP FLY+, um cartão de crédito emitido pela Unicre, podem pagar viagens em três vezes (funcionalidade válida para compras realizadas na TAP de valor igual ou superior a 300 euros) e, simultaneamente, acumular milhas em todas as compras efetuadas, ou seja, por cada 1€ acumula 1 milha bónus TAP Miles&Go que pode trocar por viagens e várias ofertas em qualquer um dos parceiros do programa. Além disso, sempre que pagar uma viagem na TAP com o cartão TAP FLY+ acumula milhas bónus referentes ao montante pago ao mesmo tempo que também acumula milhas status correspondentes à distância voada.

Quanto ao alojamento, regra geral é mais barato comprar o pacote avião e hotel, seja em agências de viagens, seja através dos motores de pesquisa e apps já mencionadas. Ainda assim, o sucesso crescente do aluguer de casas em versão Airbnb veio acrescentar mais um fator de decisão, particularmente importante quando falamos em viagens de família, ainda que para quem procura sopas e descanso – longe da cozinha – nada se compara a um bom hotel ou resort com tudo incluído. No fundo, o mais importante é pesquisar e comparar preços, comparar sempre, tendo em consideração todas as variantes já mencionadas. Depois, e só depois, poderá dedicar-se ao roteiro da viagem propriamente dita.