Este website utiliza cookies para melhorar a navegação. Ao navegar no website estará a consentir a sua utilização. Para saber mais clique aqui.

SÁBADO por C-Studio

Partilhe nas Redes Sociais

Powered by

Unibanco

Receitas de Natal

Receitas de Natal

É Natal e já não sabe o que mais preparar? Ficou de levar um prato ou sobremesa para a consoada, mas está sem ideias? Gostava de experimentar algo diferente e não sabe o quê? Com estas receitas nem importa se tem muitos ou poucos dotes culinários, porque vai mesmo surpreender a família e os amigos.

É muito importante que todos desempenhem alguma tarefa na consoada ou no almoço de Natal, até porque é à mesa que gira boa parte do convívio familiar. Ora, como já aqui falámos sobre os melhores vinhos para acompanhar o Natal, resta-nos debruçar sobre a comida, deixando algumas receitas claramente natalícias, mas também surpreendentes, pensadas para quem já domina as artes culinárias ou então para quem nem um ovo sabe estrelar. Sim, mesmo quem não tem jeito ainda pode brilhar à mesa.

Grinalda de queijos

Uma “receita” maravilhosamente simples. E nem precisa de se aproximar do fogão para confecionar um prato que vai maravilhar todos: em vez de uma tábua de queijos, uma grinalda.

Ingredientes:
Queijos. Pode ser Rabaçal, S. Jorge, Pico, Nisa, cabra semicurado, Babybel para os mais pequenos ou flamengo, amarelo da Beira Baixa semiduro, etc.
Alecrim
Uvas, figo, ameixas

Preparação:
Disponha os ramos de alecrim à volta do prato e coloque os queijos da sua preferência. Convém ir alternando entre mais ou menos fortes e evitar os queijos mais moles para não derreterem. Finalize com alguns frutos, como uvas vermelhas, figo (se encontrar nesta altura do ano) ou ameixas. Não só são uma ótima harmonização como dão um toque de cor perfeito para a decoração natalícia.

Salada de Natal

Verde e vermelha, fresca e crocante, repleta de sabores e aromas, e com um look muito festivo. É uma salada perfeita para o Natal e uma opção bem mais saudável aos tradicionais pratos da época. Pode servir como opção vegetariana, em prato principal, como entrada ou acompanhamento.

Ingredientes:
1 kg de feijões-verdes
½ chicória vermelha
100 g de pinhões
½ cebola-roxa
2 colheres de vinagre balsâmico
25 g de manteiga
Vinagre de framboesa
Tomilho fresco
Azeite
Sal e pimenta

Preparação:
Arranje os feijões normalmente, tirando o fio. Coza em água a ferver por 2 minutos, retire e coloque numa taça com gelo. Pouco depois seque os feijões com um pano e leve ao frigorífico para ficarem frescos e crocantes.
Corte a cebola em fatias muito finas e leve a lume médio, com a manteiga. Quando estiver mole junte-lhe o vinagre balsâmico e deixe caramelizar por cerca de 10 minutos. Noutra frigideira, toste os pinhões até ficarem com a pele levemente dourada.
Faça um vinagrete com o azeite, o vinagre de framboesa, o tomilho, o sal e a pimenta.
Lave e prepare a chicória vermelha cortando as folhas em metades ou quartos, consoante o tamanho. Junte e misture bem todos os ingredientes e no final tempere com o vinagrete.

Bacalhau no pão

View this post on Instagram

Há que não desvalorizar uma boa sanduiche, especialmente se envolver um belo bacalhau, de uma forma simplesmente irresistível! Servidos? ❤ . . RECEITA ➡️Pão de bacalhau http://riberalves.pt/pao-de-bacalhau/ Ingredientes (7/8 Pessoas): 600 g de bacalhau desfiado demolhado ultracongelado Riberalves 3 gemas de ovo 500 g de massa de pão 2 cebolas 3 dentes de alho 100 ml de azeite virgem 100 g de bacon Sal e pimenta 1 ramo de salsa picada 1 colher de sopa de vinagre de Jerez Água, manteiga e farinha de trigo, q. b. Modo de preparação: Incorpore duas gemas na massa de pão. Misture bem e deixe repousar durante 20 minutos. À parte, cozinhe o bacalhau desfiado por 5 minutos, em lume brando. Frite o bacon em azeite até ficar tostado. Corte as cebolas em rodelas e pique o alho. Refogue ambos no azeite com o bacon e, assim que dourarem, acrescente o bacalhau, o sal e a pimenta. Envolva bem e polvilhe com salsa. Regue com o vinagre e reserve. Em seguida, estenda a massa sobre uma superfície enfarinhada e coloque o recheio. Humedeça as extremidades com água e dobre-as. Coloque numa assadeira untada com manteiga e polvilhada de farinha, e pincele a massa com a gema restante. Deixe levedar mais um pouco. Pré-aqueça o forno a 200 ºC e leve a assar cerca de 40 minutos. Sirva quente ou frio com uma salada verde #bacalhauriberalves #riberalves #bacalhau #pão #paixãonacional #gastronomia #sabor #petiscos #petiscosdeliciosos #cozinhaportuguesa #portugal #fielamigo #bacalhauportuguês #curatradicional #curatradicionalportuguesa #tradição #saúde

A post shared by Bacalhau_Riberalves (@bacalhau_riberalves) on

O fiel e tradicional amigo continua a estar presente este Natal, mas agora servido de uma forma totalmente surpreendente com esta receita inesperada.
P.S.: A receita chega-nos da marca Riberalves, mas acreditamos que pode preparar com qualquer bom bacalhau que o resultado não sairá desvirtuado.

Ingredientes:
600 g de bacalhau desfiado demolhado ultracongelado
3 gemas de ovo
500 g de massa de pão
2 cebolas
3 dentes de alho
100 ml de azeite virgem
100 g de bacon
Sal e pimenta
1 ramo de salsa picada
1 colher de sopa de vinagre de Jerez
Água, manteiga e farinha de trigo, q.b.

Preparação:
Incorpore duas gemas na massa de pão. Misture bem e deixe repousar durante 20 minutos. À parte, cozinhe o bacalhau desfiado por 5 minutos, em lume brando.
Frite o bacon em azeite até ficar tostado. Corte as cebolas em rodelas e pique o alho. Refogue ambos no azeite com o bacon e assim que dourarem acrescente o bacalhau, o sal e a pimenta. Envolva bem e polvilhe com salsa. Regue com o vinagre e reserve.
Em seguida, estenda a massa sobre uma superfície enfarinhada e coloque o recheio. Humedeça as extremidades com água e dobre-as. Coloque numa assadeira untada com manteiga e polvilhada de farinha, e pincele a massa com a gema restante. Deixe levedar mais um pouco. Pré-aqueça o forno a 200 °C e leve a assar cerca de 40 minutos. Sirva quente ou frio com uma salada verde.

Frango assado com tâmaras e laranja

Este Natal substitua o tradicional peru por um belo e saboroso frango do campo, recheado com tâmaras, cuscuz e laranja, para um toque médio oriente – afinal os Reis Magos vierem de onde?

Ingredientes:
1 frango do campo inteiro
3 colheres de sopa de manteiga clarificada (ghee)
Sal e pimenta preta
1 chávena de cuscuz
1 dente de alho esmagado
6 tâmaras frescas, picadas
½ chávena de amêndoa laminada
Sumo de uma laranja mais as cascas
Sumo de um limão mais as cascas
½ chávena de água a ferver
Açafrão
Azeite
Hortelã e salsa fresca picada

Preparação:
Pré-aqueça o forno a 190 °C. Esfregue o frango inteiro com uma mistura de manteiga clarificada (ghee), sal e pimenta.
Se não encontrar ghee – e os hipermercados já vendem –, pode sempre fazer a sua, aquecendo a manteiga em banho-maria e retirando a espuma branca com o auxílio de uma escumadeira e aproveitando apenas o líquido que ficar em depósito no final. Ou então usar a manteiga da forma tradicional.
Coloque o açafrão (idealmente em fios, mas também pode usar em pó) em ½ chávena de água a ferver e o cuscuz noutra tigela, juntamente com o alho, as tâmaras, as amêndoas, a laranja e o limão (cascas e sumo). Despeje a água com infusão de açafrão sobre todos os ingredientes secos, misture bem e cubra por 15 minutos. Adicione o azeite e as ervas picadas e tempere bem.
Recheie o frango com esta mistura e ate as pernas com fio e palitos antes de o colocar na assadeira. Leve ao forno cerca de hora e meia, até ficar bem assado.

Pão-estrela de pistácio

View this post on Instagram

I love going back to my favorite recipes and making them again with a new little twist. Today I'm sharing my star bread recipe on the blog, but this time with an INSANELY delicious pistachio filling! 🙌🏼 You can give it a whirl via the link in profile + my insta stories 💙 . Pistachios are my favorite nut, and not just because of their delicate toasted and floral flavor. My papou and yiayia had a pistachio farm in Greece where my father grew up helping on the farm. My relatives in Greece still maintains that same farm today, and a few times a year my dad gets a big ol' heavy box filled to the brim with Aegean pistachios straight from the farm. . He has a special secret roasting technique that he hasn't shared with me yet, but like every pistachio I've ever met, someday I will get him to crack. 😉 . Is there a recipe that you like to make regularly with a little variation each time? I'd love to hear about it (and also ponder over them for dinner brainstorming for this week 😋) . . . . . . #holidaybaking #christmasbaking #holidaydesserts #christmascookies #christmascakes #christmasrecipes #christmastreats #christmasfood #bakersgonnabake #marthabakes #bakersofinstagram #feedfeedbaking #thebakefeed #bakeandshare #abmlifeissweet #baking #homebaking #instabake #patisserie #bakedfromcratch #instasweet #baker #homemadefood #heresmyfood #foodandwine #foodiegram #eatpretty #buzzfeedfood #todayfood #seriouseats

A post shared by Eva Kosmas Flores (@evakosmasflores) on

Um pão deliciosamente envolto em pistácios, quente, doce, exótico. Se o preparar, será seguramente o centro de todas as atenções, o alvo de todos os elogios, o grão-mestre da culinária…

Ingredientes:
Para a massa do pão:
¼ chávena de leite tépido
2 colheres de chá de levedura
2 e ½ chávenas de farinha de trigo
½ chávena ou ¾ de água tépida
4 colheres de sopa de manteiga sem sal, cortada em 4 partes
2 colheres de sopa de açúcar granulado
1 colher de chá de extrato de baunilha
1 colher de chá de sal
1 ovo batido com 1 colher de chá de leite
Para o recheio de pistácio:
115 g de manteiga sem sal
⅔ chávena de açúcar granulado
½ chávena de pistácios
1 colher de chá de sal
½ colher de chá de extrato de baunilha
¼ colher de chá de canela

Preparação:
Para a massa de pão, misture o fermento e o leite numa tigela pequena e deixe descansar à temperatura ambiente até que a levedura esteja dissolvida. Cerca de 5 minutos. Misture a farinha, ½ chávena de água, manteiga, extrato de baunilha, açúcar, sal e levedura. Se a massa parecer seca ou quebradiça, adicione mais colheres de sopa de água. Continue a misturar até formar uma massa macia e suave. Transfira a massa para uma tigela untada, cubra e deixe crescer por 60 minutos à temperatura ambiente. Em alternativa, pode sempre comprar a massa de pão já preparada, e poupar algum tempo precioso.
Numa superfície de trabalho levemente enfarinhada, divida a massa em quatro partes iguais. Cubra e leve ao frigorífico por 30 minutos.
Enquanto a massa estiver no frio, prepare o recheio misturando a manteiga, o açúcar, os pistácios, o sal, o extrato de baunilha e a canela no liquidificador até que fique relativamente macio e as nozes de pistácio tenham libertado os seus óleos (será muito perfumado). Reserve.
Pegue num dos quadrados de massa envolto em papel vegetal e forme um quadrado com 20 centímetros aproximadamente. Espalhe ⅓ da mistura, deixando cerca de 2,5 cm nas bordas. Reserve. Pegue num segundo pedaço de massa sobre uma folha de papel vegetal e vire-o de cabeça para baixo sobre a primeira folha de massa, pressionando suavemente as bordas para selar as duas camadas. Espalhe mais ⅓ da mistura sobre a camada superior, deixando os tais 2,5 cm ao redor das bordas. Repita o processo mais uma vez, para ter três camadas de massa empilhadas umas sobre as outras, com o recheio de pistácios no topo.
Coloque finalmente o quarto e último quadrado de massa para selar o processo. Neste caso já sem qualquer recheio de pistácios. Coloque uma tampa com mais ou menos 5 cm no centro da massa e corte 16 fatias, torcendo-as depois para os lados. Em seguida aperte as extremidades de cada par para ficarem juntas. Deixe a estrela descansar por mais 30 minutos à temperatura ambiente.
Não se preocupe porque no site existe um pequeno vídeo a explicar todo este processo.
Pré-aqueça o forno a 200 °C e pincele a estrela com o ovo batido com o leite e deixa cozer por cerca de 20 a 25 minutos.