Este website utiliza cookies para melhorar a navegação. Ao navegar no website estará a consentir a sua utilização. Para saber mais clique aqui.

Powered by

Unibanco
Tendências que vão marcar esta primavera Tendências que vão marcar esta primavera

Tendências que vão marcar esta primavera

Tendências que vão marcar esta primavera

Com a chegada dos primeiros raios de sol, há que começar a pensar nos looks e peças essenciais para a nova estação…


Publicado em 04-Mar-2020

Os dias em que os termómetros quase atingem os 20 graus começam a ser mais frequentes, mas a verdade é que ainda faltam alguns meses até à chegada do verão, e por isso mesmo o melhor é estarmos preparados para tudo. O que quer isto dizer? Que é imprescindível ter no roupeiro um casaco branco que se assume como a peça que faz a transição perfeita entre inverno e primavera, graças à sua versatilidade e elegância.

Depois, se ainda não reparou, abra bem os olhos. A cor da estação é o roxo, o lilás, o violeta, o púrpura ou, se preferir, o malva. O roxo significa poder, mas também dignidade, criatividade, força e unidade. Também é uma cor sofisticada, luxuosa, que evoca personalidade. Tudo bons motivos para se render à cor que Victoria Beckham tornou protagonista do seu último desfile. Um atrevimento, principalmente se usado em versão look total.

View this post on Instagram

Breathing green

A post shared by Blanca Miró Scrimieri (@blancamiro) on

Já considerado uma das peças-chave da estação, o colete que está de volta. Combinado com uma blusa branca e uns jeans pode fazer toda a diferença. O mesmo podemos dizer sobre uma saia de ganga, central para muitos dos looks mais especiais dos próximos meses. Como usar? Com uma blusa cor nude ou em look total…


Os influenciadores e editores de moda parecem concordar que os colarinhos vistosos, estilo disco, e as blusas de decote babete, românticas (e de preferência em branco) vieram para ficar nos próximos meses. O mesmo acontece com o regresso de combinações clássicas como o black & white, e ainda as peças de ombros gigantes, obrigatórias para todas as fans de Isabel Marant.

Se as cores neon e os padrões vintage a combinar com o estilo disco são uma tendência, podemos afirmar sem receios que a pele é o novo algodão. Viral em todos os desfiles (mesmo os que anunciam o Outono/Inverno), provou que pode ser usada em qualquer peça de roupa, incluindo até jardineiras… segue-se outro regresso, o do crochet que se tornou o material de eleição para vestidos ultra-femininos, camisolas e muitas outras peças, em combinações infinitas…

Não será a mais fácil das modas, mas os calções muito curtos (que deixam muita perna à vista) e as bermudas (usadas com blazers curtos e mesmo em fatos completos, num estilo muito business) marcam presença em todas as revistas de moda e nas ruas de todas as cidades. Podem ser usados em malha, com as pernas à vista, com collants, sandálias, pumps ou botas… em looks mais formais, para trabalhar (!) ou sair à noite com amigos.

Depois do sucesso alcançado no ano passado pela carteira The Pouch, uma das primeiras criações de Daniel Lee para a Bottega Veneta, o famoso entrelaçado da marca italiana está em todo o lado, nos posts de todas as grandes influencers e a inspirar modelos de marcas fast fashion, muito mais acessíveis… Last but not the least, uma escolha para quem não tem medo de arriscar e usar um dos tops em formato soutien que são o último dos ícones de elegância e sensualidade. Se bem combinados, entenda-se.